rtt-graph.sh: Gráficos estatísticos de latência de rede

Shell script que utilizando o RRDTool e o comando ping, gera gráficos estatísticos diários, semanais e mensais relativos a latência de rede, tudo muito simples e bem funcional. Para mais detalhes sobre configuração e uso, leia a documentação que acompanha o projeto.

O projeto está hospedado no meu repositório no Github, neste endereço: https://github.com/SandroMarcell/rtt-graph

js-bwm: Monitorando o link de internet em tempo real

O “js-bwm” permite que se acompanhe através de gráficos em tempo real, o consumo de banda (download/upload) do seu link de internet, facilitando assim a visualização de quanto de tráfego está sendo gerado por sua rede.

screenshot

O projeto está hospedado no meu repositório no Github, neste endereço: https://github.com/SandroMarcell/js-bwm

php-meter: Medidor que mostra o consumo de banda no link de internet

O “php-meter” é uma simples solução que se utiliza das tecnologias PHP e Javascript para oferecer uma forma de acompanhar o consumo de banda (download/upload) em tempo real de seu link de internet, permitindo assim que se possa ter uma noção de quanto tráfego está sendo gerado por sua rede.

screenshot

O projeto está hospedado no meu repositório no Github, neste endereço: https://github.com/SandroMarcell/php-meter

PHP + jQuery = Monitore status de serviços e servidores

Simples projeto que utiliza a dupla “PHP + jQuery” para construir um sistema que monitora o status de servidores, domínios, etc… retornando alertas visuais e auditivos caso alguns dos serviços monitorados apresente algum tipo de falha.

084111

O projeto está hospedado no meu repositório no Github, neste endereço: https://github.com/SandroMarcell/php-monitor

nmap: verificando os ip’s em uso na rede

Geralmente pra se detectar se um endereço IP está ativo na rede, usa-se o bom e velho ping, mas a situação fica um pouco mais “delicada” quando você deseja obter uma relaçao de quais IP’s em sua rede estão em uso, não é verdade?
Bem, alguns administradores criam scripts que varrem a rede para realizar essa descoberta. Mas saiba que você não precisar necessariamente fazer isso! Pra tal, você simplesmente pode utilizar um “canivete suiço” chamado nmap 🙂 com a seguinte sintaxe:

nmap -v -sn -oG - xxx.xxx.xxx.xxx/yy

Continuar lendo